31 de mar de 2013

A graça do futebol


São clássicos como o de hoje à tarde que fazem com que a paixão pelo futebol cresça.

Existem todos aqueles clichês que dizem que esses jogos são um campeonato à parte, que não tem favorito, etc. Mas o que fez com que o jogo de hoje tivesse algo em especial foi a discussão pós-partida.

Querendo ou não, o futebol gera muita "briga". Às vezes sadia, às vezes violenta, mas gera. E é dela que o futebol sobrevive.

Pare e pense nesse esporte sem equipes rivais, sem provocações com os times adversários... ele deixaria de existir. Não teríamos torcidas, não teríamos gente na arquibancada e, mais importante, ele perderia a graça.

E no Majestoso de hoje, a discussão apareceu no lance entre Pato e Rogério Ceni. Minha opinião: pênalti. Mas a sua, desde que você não seja corinthiano, provavelmente vai ser diferente. E esse é o barato do esporte. São de situações como essa que o esporte respira, e continua andando pra frente.

Vamos agradecer aos dois protagonistas da jogada por nos render mais alguns dias de debate. Ele vai trazer bons argumentos de ambos os lados, mas só viverá até que chegue a rodada da Libertadores. Então, o assunto mudará e passaremos a falar de outro ponto; talvez uma iminente eliminação do São Paulo, talvez uma virada histórica ou até mesmo outra arbitragem duvidosa. E assim por diante.. Mas que foi pênalti, ah, Ceni, foi.

0 comentários: